Curso de inglês gratuito nos EUA!

Parece que me enganei e digitei errado né, mas é isso mesmo! Um curso de inglês com o valor simbólico de matrícula de $2 apenas.

A descoberta foi quando eu me programei para uma viagem a Los Angeles para ficar 6 meses e dar um gás no meu inglês. Iniciei diversas pesquisas sobre tudo, aluguel de apartamento e a burocracia, carro, e a escola que era meu foco. Solicitei orçamentos para escolas de intercâmbio e os valores eram bizarros! Fora do meu budget.

Foi então que descobri em vídeos do youtube, o ESL – English as a Second Language. Um curso com a matrícula de $2 e o material do módulo, em torno de $30.  O foco do curso é inglês para imigrantes. Trata-se de um programa do governo americano em implantar o inglês a todos, aproximando comunidades que ja vivem nos Estados Unidos,  para capacitá-los em desenvolverem melhor suas atividades, sem a limitação da língua, mesmo aos imigrantes que estejam ilegais no país.

Todas as High Schools nos EUA oferecem o inglês para adultos chamado Adult Class do ESL.  Você precisa ver na escola do bairro em que for morar. Vale visitar a biblioteca mais próxima para mais informações.

Para se matricular é simples. Um teste de nivelamento numa tarde e início das aulas no dia seguinte. Algumas escolas tem lista de espera, dependendo do bairro. A Venice Skill Center, onde eu fiz, foi no dia seguinte. Clima agradável, ipad nas aulas, professores excepcionais e pessoas de todas as idades, acima dos 18 anos.

Os horários das aulas variam. Uma das 8h30am a 10h00am e outra das 10h30am as 12h30pm. Tem quem faz só uma das aulas, mas o ideal é fazer as duas seguidas. De segunda a sexta.

  • Por que muitas pessoas não sabem sobre o inglês grátis pelo governo americano?

O  ESL não é um programa para atrair novos imigrantes, por isso ele não é divulgado. Inclusive, ele não oferece o I20, que é o documento necessário para solicitar o visto de estudante. O Visto de estudante só é requerido através de cursos pagos com comprovação de pagamento e demais documentos para a entrevista no consulado.

Porém, isso não impede que uma pessoa que passará alguns meses nos EUA, estude no curso de verão por exemplo, que tem duração de apenas três meses. Não existe problema algum em se matricular com visto B1 de turista.

Importante ficar atento quanto a diferenças de cursos, pois o ESL também oferece cursos em escolas privadas.

Se você viu que agora ficou possível a sua viagem rolar e que o valor caiu pela metade, ou se deseja se mudar para os Estados Unidos e logo menos precisar arrumar trabalho e ajeitar a vida, saiba que inglês é de graça!

 

 

 

 

News & Lifestyle

%d blogueiros gostam disto: